Hoje o emblemático Are You Experienced? de Jimi Hendrix completa 50 anos, e você já deve ter lido algo sobre isso recentemente. Que Hendrix revolucionou o jeito de tocar guitarra e foi um dos precursores da psicodelia do final da década de 1960 vocês, caros leitores, já estão cansados de saber. Are You Experienced? seguido de Axis: Bold As Love? lançado também em 1967, consagraram Jimi como um dos maiores guitarristas que já passaram pelo globo terrestre, e chegou a posteriormente influenciar suas próprias influências musicais.
 
Além da habilidade musical e  genialidade irrefutável, o que mais fez com que Jimi Hendrix, acompanhado de Ches Chandler e Mitch Mitchell, se tornassem tão icônicos e importantes para a história, não somente do rock n’ roll, mas da música mundial?

 
Para descobrir, precisamos ir mais a fundo na história.
 
O que estava rolando na época?
 
A década de 60 foi marcada por revoluções. Historicamente, dizem que antes de um onda progressista sempre há uma onda conservadora e, essa última, se manteve viva até a segunda metade da década de 1950. O mundo estava em crise, o sonho americano já não era mais atrativo aos jovens que, por sua vez, começaram a não só se questionar mas questionar também o sistema.
 
Essa onda que influenciou todo o Ocidente, começa tímida, inocente, rebelde “sem causa”. Já na segunda metade da década, os rebeldes arrumaram uma causa. Uma só não, várias. 
 
Dentre elas, a Guerra do Vietnã foi a que mais teve impacto aos jovens americanos que abandonavam suas vidas, seu futuro e sua juventude em troca de uma guerra que era, assim como todas as outras, sem sentido. E foi nesse período, de guerra e ódio que surgiu a necessidade de paz e amor, surgindo assim, o movimento hippie.
 
Mais amor
 
Agora, vamos falar do ano de 1967. Foi em meio a esse clima de revolução que aconteceu o Summer Of Love, quando mais de 100 mil hippies caminharam até São Francisco, mais precisamente até Haight Ashbury, em protesto à Guerra do Vietnã.
 
Com roupas tie-dye, cabelos emaranhados, flores e muita erva, os hippies acamparam em São Francisco enaltecendo o estilo de vida que pregava o amor livre, paz e a libertação da mente. Popularizando assim, o consumo de LSD.
 
Bob Weir guitarrista do Greateful Dead, disse:
 
“Haight Ashbury era um gueto de boêmios que queriam fazer qualquer coisa – e fizemos. Sim, tinha LSD. Mas Haight Ashbury não era sobre drogas. Era sobre explorar, encontrar novas formas de expressão, estar consciente de sua existência.”
 
A partir disso, podemos ter certeza que o uso de lisérgicos motivou a onda psicodélica que viria a acontecer.
 
Monterey International Pop Music Festival
 
Tudo isso nos leva ao festival de Monterey, que aconteceu na cidade de mesmo nome na Califórnia. Foram três dias de festival com um público estimado entre 25 a 90 mil pessoas. O line-up contava com bandas como The Who, The Mamas & the Papas, Greateful Dead, Ottis Reading e claro, The Jimi Hendrix Experience.
 
E posso afirmar com todas as letras, que esse festival consagrou Jimi como um dos maiores expoentes do rock psicodélico.
 
 
Tá mas porque saber de tudo isso?
 
Se você já ouviu o Are You Experienced? sabe que foi de lá que saíram os maiores clássicos de Jimi Hendrix que são tocados no repeat até hoje. 
 
Um disco dessa magnitude não influencia somente músicos, mas também toda uma sociedade, assim como a sociedade serve de inspiração para a criação de sua obra.
 
Hoje, 50 anos depois, Are You Experienced? continua sendo revolucionário, mudando vidas e criando novas histórias. E, em tempos como os atuais, obras assim precisam ser lembradas, reverenciadas e acima de tudo, compreendidas. Afinal, a história é cíclica e a revolução também.
 
 
 
 
https://deveserisso.com.br/blog/wp-content/uploads/2017/05/Untitled-2.jpghttps://deveserisso.com.br/blog/wp-content/uploads/2017/05/Untitled-2-150x150.jpgBruna DiasMusica
Hoje o emblemático Are You Experienced? de Jimi Hendrix completa 50 anos, e você já deve ter lido algo sobre isso recentemente. Que Hendrix revolucionou o jeito de tocar guitarra e foi um dos precursores da psicodelia do final da década de 1960 vocês, caros leitores, já estão cansados...