A lâmpada que pode revolucionar a vida de milhões pessoas

A lâmpada que pode revolucionar a vida de milhões pessoas

Cerca de um bilhão de pessoas vivem sem eletricidade e, frequentemente, precisam fazer uso de lamparinas a base de querosene para iluminar suas casas à noite. Além do obvio risco de incêndio, esse tipo de fonte de combustível gera emissões de fuligem que, além de colaborarem para o aquecimento global, podem ser prejudiciais à saúde, já que a querosene é tóxica.

Pensando nisso, a empresa GravityLight chegou à conclusão que a melhor forma de gerar essa iluminação seria utilizar uma fonte de energia disponível em qualquer parte do planeta e que nunca se esgote: a gravidade. Através de um financiamento coletivo no site Indiegogo (o projeto tem meta de US$ 199 mil até julho), a empresa tenta tornar viável a construção da lâmpada que não precisa de pilhas ou luz solar para funcionar.

Apenas para deixar mais claro, a GravityLight, funciona como uma daquelas lanternas que funcionam a dínamo. Mas, em vez de girar a manivela por alguns minutos para produzir luz, basta alguns segundos para levantar o peso que alimenta todo o processo de geração de energia.

Essa lâmpada poderá diminuir os gastos com combustível de famílias em situação de extrema pobreza e melhorar as condições de saúde dessas pessoas. É ou não é uma ideia genial?

Leo Cruz

Especialista em criar aquilo que um dia você vai procurar no Google. Fã de Filmes, Séries e Animes, escreve diariamente no Deveserisso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *