Se todas fossem como enema noise, não existiria banda ruim

Enema Noise

A semana está corrida para quem gosta de música boa, independente do gênero preferido. Essa profusão de lançamentos simultâneos é ótima, porém nem sempre é possível dar a atenção devida a tudo que é disponibilizado. É preciso muita organização e vontade para conseguir selecionar as melhores opções. E ultimamente tempo tem sido mais raro que dinheiro na vida da maioria das pessoas.

Costumo dar prioridade aos álbuns cheios, mas para absorver ideias mais complexas é preciso de mais atenção. E o lançamento de ‘Eventos Inevitáveis’ esta semana ocupou boa parte de meu tempo disponível. Desde a mudança de formação estava ansioso para acompanhar o desenvolvimento do som do enema noise. E o que esse trio conseguiu fazer é quase inigualável.

[wbcr_php_snippet id=’53103′]

Encontre espaço em sua agenda e seja consumido pelas dez músicas dessa experimentação magistral que os brasilienses nos apresentaram.

Eventos Inevitáveis – enema noise

O revezamento entre instrumentos por parte dos integrantes parece tão natural quanto as variações de timbres apresentados no decorrer das músicas. São quebras e retornos bruscos, chamados externos para trazer de volta da sessão de hipnose. E essas variações melódicas são realçadas por vozes desesperadas ou sussurros quase imperceptíveis. A primeira audição beira à dissonância, mas como disse, é hipnótica.

Conforme a ambientação avança e os conceitos se assentam, o ouvinte é enredado por uma sensação de conforto. Insisto, apesar de dissonâncias, todas as experimentações não são jogadas ali de maneira desordenada. Lembra um varal com camisetas coloridas estendidas com precisão quase obsessiva. 

Se acompanhar auxiliado pelas letras, o conjunto fica completo. Essa junção dá forma ao disco e cada letra é auto-explicativa sobre a proposta do enema noise. Aquela sensação de que estamos fodidos, mas seguimos entregando o melhor possível.

A arte da capa é outro destaque. O trampo do Leonardo Oliveira é a identidade visual que dá contornos concretos à sonoridade desse disco. Aguardemos por um caprichado encarte, independente do formato escolhido. A banda estará em São Paulo no mês de setembro divulgando o álbum ‘Eventos Inevitáveis’, este show aqui será em conjunto com o Sky Down em Santo André. Programe-se!

Siga a página do Frequência no Facebook e acompanhe nosso podcast no Soundcloud para não perder nada sobre música independente!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *