Lapassarad Thanaphant, um empresário tailandês, resolveu abrir um restaurante japonês em sua terra natal. O problema é que lá existe um desses em cada esquina.

Percebendo isso Thanaphant decidiu que seu restaurante deveria ter algo que os outros não tinham, ele pensou bastante e achou uma solução: as mesas seriam atendidas por garçons samurais cibernéticos.

Os robôs deslizam até as mesas dos clientes, servem os pedidos, limpam tudo e até fazem dancinhas de samurais robôs.

A idéia teve um preço bem alto, R$ 1,65 milhões de reais, mas deu certo. O restaurante virou sucesso no mundo todo e até pessoas de outros países têm ido até lá, especialmente para ver os samurais garçons em ação.

Leo CruzCuriosidadesCuriosidades
Lapassarad Thanaphant, um empresário tailandês, resolveu abrir um restaurante japonês em sua terra natal. O problema é que lá existe um desses em cada esquina. Percebendo isso Thanaphant decidiu que seu restaurante deveria ter algo que os outros não tinham, ele pensou bastante e achou uma solução: as mesas...